Antes de entrar na casa de Deus tinham que rapar a botina…

Nas igrejas barrocas de Minas é comum encontrar do lado de fora um aro de ferro que servia pra limpar os sapatos daqueles fiéis desprovidos de recursos que vinham lá de longe, pegando caminho de terra e barro, pra assistir à missa. Antes de entrar na casa de Deus tinham que rapar a botina. É daí que nasceu a expressão “pé rapado”. Numa versão mais simpática, a gente tem aqui na Paraopeba esse Totó, de ferro fundido, procê colocar no alpendre da sua casa e rapá a chinela antes de entra em casa.

Leave a comment